Estudo mostra que vacinar crianças contra gripe ajuda a proteger toda população

Estudo mostra que vacinar crianças contra gripe ajuda a proteger toda população
Imagem de CDC por Unsplash

Vacinar crianças contra gripe ajuda a proteger toda população. Essa é a constatação de um estudo realizado pela Universidade da Califórnia em Berkeley, nos Estados Unidos. Segundo a pesquisa, publicada no periódico científico PLOS Medicine, a ampla cobertura vacinal ajuda a produzir a imunidade de rebanho, ou seja, quando um vírus tem dificuldade de se disseminar devido ao grande número de imunizados.

LEIA MAIS:

Para chegar a essa conclusão, os pesquisadores analisaram os efeitos de um programa de vacinação contra o vírus influenza em dois distritos de Oakland por quatro anos. A imunização protegeu a cada ano de 53% a 66% das crianças, entre 4 e 13 anos de idade, que frequentaram mais de 95 pré-escolas e escolas primárias da cidade.

No último ano de estudo, quando a cobertura vacinal das crianças foi 11% maior, os resultados foram positivos para todos. Nesta temporada em que 66% dos alunos foram imunizados, o distrito registrou menos 37 internações causadas pela gripe em pessoas fora da idade escolar por 100 mil habitantes e menos 160 internações devido à doença em pessoas com mais de 65 anos.

Ao observar a redução do número de hospitalizações entre pessoas que não foram imunizadas pelo programa, o estudo concluiu que a vacinação das crianças contra a gripe ajudou a proteger toda a população do distrito pela imunidade de rebanho. Além de, obviamente, beneficiar diretamente as pessoas vacinadas.

A constatação era esperada pelos pesquisadores, que já tinham conhecimento dos benefícios de um amplo programa de vacinação. Como as crianças têm grande potencial para espalharem doenças virais, a imunização dessa faixa etária ajuda a conter a propagação do vírus. O resultado do estudo reforça a importância da vacinação para o bem-estar coletivo.